Dr. Paulo Duarte | Reconstrução Mamária

Reconstrução Mamária

Mama

ENTENDA O PROCEDIMENTO

procedimentos-img-1

A reconstrução da mama é conseguida através de várias técnicas de cirurgia plástica que tentam restaurar a mama considerando-se a forma, a aparência e o tamanho após a mastectomia.

PERGUNTAS FREQUENTES

Os resultados são variáveis

• A mama reconstruída não terá a mesma sensibilidade que a mama que substitui,
• As cicatrizes são visíveis e estarão sempre presentes na mama, seja após a reconstrução ou a mastectomia,
• Algumas técnicas cirúrgicas irão deixar cicatrizes no local doador, geralmente localizadas em áreas menos expostas do corpo, como nas costas, no abdômen ou no glúteo.

Simetria

Se apenas uma mama é afetada, somente ela pode ser reconstruída. Ademais, redução de mama, pexia ou aumento de mama podem ser recomendados para a mama oposta para melhorar a simetria de ambas as mamas.

Beleza para a vida

Melhore a aparência com a reconstrução da mama

A reconstrução da mama é um procedimento física e emocionalmente gratificante para uma mulher que perdeu a mama devido ao câncer ou a outra situação. Uma nova mama pode melhorar radicalmente sua autoestima, autoconfiança e qualidade de vida. Embora a cirurgia possa lhe dar uma mama relativamente natural, a mama reconstruída nunca será igual a mama que foi removida.

É indicado para mim?

Melhore a aparência com a reconstrução da mama

A reconstrução da mama é um procedimento individualizado. Você deve fazê-lo para si mesma, não para satisfazer os desejos de outra pessoa ou para tentar se adaptar a qualquer tipo de imagem ideal.

A reconstrução de mama será uma boa opção para você se

• Você lidar bem com seu diagnóstico e tratamento,
• Você não tem condições médicas ou doenças que possam prejudicar a cicatrização,
• Você tem visão positiva e expectativas realistas do resultado da reconstrução da mama e da imagem corporal.

A reconstrução envolve, tipicamente, vários procedimentos realizados em múltiplos estágios, podendo:
• Ser realizada ao mesmo tempo que a mastectomia, ou
• Ser adiada até que você se recupere da mastectomia e de quaisquer tratamentos adicionais do câncer.

É importante que você se sinta pronta para o aspecto emocional envolvido na reconstrução de mama. Pode levar algum tempo para aceitar os resultados da reconstrução.

O que saber antes da cirugia de reconstrução da mama

O sucesso e a segurança do procedimento dependem muito de sua sinceridade durante a consulta. Você será questionado sobre sua saúde, desejos e estilo de vida.

Riscos e informações de segurança

A decisão de se submeter à cirurgia de reconstrução da mama é pessoal. Você é quem deve decidir se os benefícios atingirão suas expectativas e se os riscos e potenciais complicações são aceitáveis.

Seu cirurgião plástico e/ou assistentes irão lhe explicar, em detalhes, os riscos associados à cirurgia. Você deverá assinar o termo de consentimento para assegurar que compreendeu plenamente o procedimento a que irá se submeter e quaisquer riscos ou complicações potenciais.

Os possíveis riscos de reconstrução da mama incluem, não se limitando, no entanto, à hemorragia, à infecção, à má cicatrização de incisões e aos riscos da anestesia. Você também deve saber que:

• Técnicas com uso de retalho incluem risco de perda parcial ou completa do tecido doador e perda de sensibilidade no local doador e no local de reconstrução,
• O uso de implantes traz o risco de rigidez da mama (contratura capsular) e ruptura do implante.

Os implantes mamários não prejudicam a mama. Pesquisas científicas realizadas por grupos independentes não relataram nenhuma relação comprovada entre implantes mamários e doenças autoimunes e sistêmicas.

Instruções especiais

• O que fazer no dia da cirurgia (tempo de jejum medicações, banho),
• O tipo de anestesia durante a reconstrução da mama,
• Cuidados pós-operatórios,
• Documentos de registro de implantes mamários (quando necessário).

O procedimento deve ser realizado em local seguro e confortável para o médico e o paciente, em centro cirúrgico autorizado pela Vigilância Sanitária, com equipamentos e equipe treinada para qualquer intercorrência.

Recuperação pós-operatória

Após a cirurgia utilizando retalhos e/ou inserção de um implante, gazes e fitas serão aplicados nas incisões. Uma bandagem elástica ou sutiã irá minimizar o inchaço e sustentar a mama reconstruída. Um dreno pode ser temporariamente colocado sob a pele para drenar qualquer excesso de sangue ou de fluido.

Você receberá instruções específicas, incluindo: Como cuidar de sua mama após a cirurgia, os medicamentos que deve tomar por via oral para ajudar a reduzir o risco de infecção, preocupações específicas a procurar no local da cirurgia ou em sua saúde geral, e como será o acompanhamento com o cirurgião plástico.

Resultados e perspectivas

Os resultados finais da reconstrução pós mastectomia podem ajudar a minimizar o impacto físico e emocional da mastectomia. Com o tempo, certa sensibilidade na mama pode voltar, e as cicatrizes tendem a melhorar, embora nunca desaparecerão completamente. Há algumas limitações, mas, a maioria das mulheres acha que são pequenas em comparação à melhoria em sua qualidade de vida. Monitoração cuidadosa da saúde da mama através do autoexame, mamografia e demais técnicas de diagnóstico é essencial para sua saúde a longo prazo.

Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

  • Compartilhe

Dr. Paulo Duarte

Atua como cirurgião plástico em Natal e Belo Horizonte, atende no Instituto da Mama, Natal Hospital Center, Hospital da LIGA Norteriograndense, Hospital Público Monsenhor Walfredo Gurgel, bem como na Clínica Bonica em Belo Horizonte.

blog2-man
Autor