Dr. Paulo Duarte | Lifting Facial

Lifting Facial

Face

ENTENDA O PROCEDIMENTO

procedimentos-img-1

Se você estiver incomodado com sinais de envelhecimento em seu rosto, a cirurgia da face pode ser ideal para você. Tecnicamente conhecida como ritidoplastia, a cirurgia da face é um procedimento cirúrgico para melhorar sinais visíveis de envelhecimento no rosto e no pescoço tais como:

• Flacidez no terço médio da face,
• Vincos profundos abaixo das pálpebras inferiores,
• Vincos profundos ao longo do nariz que se estende ao canto da boca,
• Gordura que tenha baixado ou tenha sido deslocada,
• Perda de tônus muscular na face inferior, podendo causar papada,
• Pele frouxa e excesso de depósitos de gordura sob o queixo e a mandíbula.

Procedimentos de rejuvenescimento tipicamente executados juntamente com o lifting de face são o lifting de testa, para corrigir a flacidez ou testa franzida, e cirurgia de pálpebras, para rejuvenescer os olhos.

PERGUNTAS FREQUENTES

O que o facelift não faz?

Sendo uma cirurgia reparadora, o facelift não muda sua aparência e não para o processo de envelhecimento.

É indicado para mim?

O facelift só pode ser realizado cirurgicamente; tratamentos não cirúrgicos de rejuvenescimento não proporcionam os mesmos resultados, mas podem ajudar a retardar o momento em que o facelift torna-se adequado, além de complementar os resultados da cirurgia. A cirurgia da face é um procedimento altamente individualizado e você deve fazê-lo para si mesmo, não para satisfazer os desejos de outra pessoa ou para se adaptar a qualquer tipo de imagem ideal.

O facelift é uma boa opção para você se

• Você estiver fisicamente saudável,
• Você não fuma,
• Se você tem atitude positiva e expectativa realista do resultado cirúrgico.

O que saber antes de se submeter à cirurgia de facelift?

O sucesso e a segurança do procedimento dependem muito de sua sinceridade durante a consulta. Você será questionado sobre sua saúde, desejos e estilo de vida.

Instruções especiais

• O que fazer na noite anterior e na manhã da cirurgia (tempo de jejum, medicações, banho),
• Informações sobre o tipo de anestesia a ser realizada,
• Orientações sobre cuidados pós-operatórios.

O procedimento deve ser realizado em local seguro e confortável para o médico e o paciente, em centro cirúrgico autorizado pela Vigilância Sanitária, com equipamentos e equipe treinada para qualquer intercorrência.

Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

  • Compartilhe

Dr. Paulo Duarte

Atua como cirurgião plástico em Natal e Belo Horizonte, atende no Instituto da Mama, Natal Hospital Center, Hospital da LIGA Norteriograndense, Hospital Público Monsenhor Walfredo Gurgel, bem como na Clínica Bonica em Belo Horizonte.

blog2-man
Autor